Quarto dia do Tour du Mont Blanc – Parte 2

Dia 4: Tour do Mont Blanc
Parte II: determinação

No trecho entre o Bonatti e Rifugio Elena, a 2067 mts, caminha-se inicialmente na mesma cota, com leve descida, mas quase no fim do Val Ferret desce-se a menos de 1800 para subir novamente. Gastamos 1h25. Paramos mais 20 min para comer tomar fôlego para a terceira grande subida do dia, já às 5h da tarde.
Subimos em 1h ao Gran Col Ferret, na fronteira com a Suiça, a 2534 mts, o que nos surpreendeu, pois a previsão era de 1h30 e já estavamos cansados.
De fato, estávamos muito determinados a cumprir o objetivo do dia, mas a deliciosa torta de mirtilos que comemos no Rifugio Elena também influenciou

Daí para La Foully, a 1600mts, foram 2h30 de descida, com parada rápida no primeiro abrigo em La Peule para avisar ao abrigo que chegaríamos tarde.

Neste ponto, outra feliz surpresa, reencontramos o jovem casal super gente boa que conhecemos no caminho para a Maison La Vieille, um russo e uma americana. Falamos quase ao mesmo tempo: precisamos tirar um foto!

Descemos com eles e chegamos em La Foully às 21h. Foram 12h50 de jornada, com algo em torno de 11h horas efetivas de caminhada. Grande dia!

destaques do dia foram:
– a paisagem de beleza estonteante no trecho da variante da Tête Le Tronche, com a visão do Mont Blanc, Dent du Gean, Le Grandes Jorrasses e o Val Ferret,
– o Rifugio Bonatti (com uma leve tristeza por não ter conseguido vaga) e a vista do Val Ferret, e
– o reencontro com dois grupos, os senhores franceses e um casal de um russo e uma americana, que conhecemos no caminho, afinal o Tour é uma experiência coletiva. Além das paisagens os encontros e interações com as pessoas são marcantes.
#clubecnm
#clubeniteroiensedemontanhismo @ La Fouly, Valais, Switzerland

Comentários